quinta-feira, 4 de fevereiro de 2021

Semusc, Semmam e Comitê Gestor de Limpeza Urbana fiscalizam descarte irregular de lixo doméstico em bairros da capital

As Secretarias Municipais de Segurança com Cidadania (Semusc), do Meio Ambiente (Semmam) e o Comitê Gestor de Limpeza Urbana (CGLU) realizaram, nesta quarta-feira (3), uma operação para combater o descarte irregular de lixo doméstico na capital maranhense. A operação começou logo nas primeiras horas em dois locais: Residenciais Ecotajaçoaba e Albino Soeiro, que ficam na Zona Rural de São Luís.

Nos locais visitados, as equipes do Grupo de Proteção Ambiental (GPA) da Guarda Municipal de São Luís e os fiscais observaram uma grande quantidade de lixo produzido nas residências e descartado em locais inapropriados, comprometendo o meio ambiente e colocando em risco os próprios moradores.

Outros pontos da cidade serão fiscalizados nos próximos dias. “O descarte irregular de lixo doméstico é crime ambiental. Além disso, provoca doenças contagiosas, pois os transmissores são atraídos pelos materiais jogados inadequadamente nas ruas. A nossa Guarda Municipal está trabalhando com afinco para evitar essa prática”, comentou o secretário da SEMUSC, Marcos Affonso.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário