quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Profissionais cubanos devem ser aproveitados no programa 'Médicos pelo Brasil'

Estimativa é de  que pelo menos 2.000 médicos cubanos sejam aproveitados no programa do Governo Federal.


 Está em discussão, o aproveitamento de  médicos cubanos que atuavam pelo extinto programa ''Mais Médicos'', substituído pelo ''Médicos pelo Brasil''. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, na publicação de 3ª-feira (17.set.2019) a proposta de aproveitamento de pelo menos 2.000 profissionais cubanos  está sendo defendida pelo Ministério da Saúde.

Esses profissionais vão receber provimentos menores do que anteriormente, uma vez que poderão  atuar na saúde básica, como ''apoiadores Médicos''.

O Ministério da Educação tem se posicionado que os médicos cubanos só poderão atuar com a validação do diploma.

A proposta deve ser apresentada nesta 3ª feira (17.set.2019) pelo senador Confúcio Moura (MDB-RO), relator da MP (Medida Provisória) que cria o programa Médicos pelo Brasil. A MP deve definir que os profissionais cubanos poderão atuar na atenção básica por até 2 anos. Durante esse período, os profissionais poderão prestar o Revalida (prova para a validação do diploma estrangeiro) por até 4 vezes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário