terça-feira, 2 de julho de 2019

Paço do Lumiar sem nome definido para 2020

Há um ano da eleição municipal, luminenses não tem um nome de preferência. 


Quem acompanha a política de Paço do lumiar sabe perfeitamente que é difícil sair vitorioso das urnas. Que diga os ex-prefeitos Gilberto Aroso, Bia Venâncio, Josemar Sobreiro e o atual prefeito Dutra.

Em um município com históricos de escândalos e abandonado, de um eleitorado agora mais antenado e crítico, os políticos luminenses sofrem para ter a preferência do eleitorado. Para confirmar essa informação, basta uma análise simples e logo percebe-se que não há um nome de consenso, ou de maior falácia nos bastidores da política.
IMAGEM ILUSTRATIVA 

Até mesmo dados de resultados de pesquisas de opinião — realizados para consumo interno de partidos/outros interessados — que o blog teve acesso, os números não são animadores para os pretensos candidatos ao poder executivo. Há um ano das convenções partidárias que define as coligações e oficializa as candidaturas o que prevalece são os indecisos, ou que não sabe/Não responderam, e ainda que não votariam de jeito nenhum nas opções apresentadas.

Nomes de figuras jovens que surgem como possíveis candidatos têm dificuldade de levar a simpatia dos eleitores. E ao contrário do que muitos vem divulgando, são os figurões já conhecidos que estão se sobressaindo na preferência dos votantes de Paço do lumiar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário