terça-feira, 25 de junho de 2019

Quebrado, governo Flávio Dino enfrenta manifestações

Como vem sendo ventilado há alguns meses, o Estado do Maranhão está mal das pernas (financeiramente). Com o sinal de alerta vermelho ligado, manifestações dão o tom da crise.




Empréstimo em cima de empréstimo, uma gestão soberba e irresponsável, assim é definida à administração do governador Flávio Dino (PCdoB) que vive de propaganda enganosa.

Sem dinheiro em caixa, funcionários de empresas terceirizadas estão com salários atrasados há meses.   

Na manhã desta 3ª-feira (25.jun.) aconteceu a 1ª manifestação dos terceirizados, o ato foi em frente a Secretaria de Estado Segurança Pública. Em seguida foi a vez dos policiais civis, que fizeram uma manifestação, na pauta de reivindicação está aposentadoria digna, nova política salarial, contratação de novos policiais civis e maior respeito ao direito de progressão, reposição inflacionária, reajuste salarial igualitário e diárias antecipadas.  

Tem Mais
De acordo com informações colhidas pelo blog, nos próximos dias será a vez dos servidores da Caema demonstrarem suas insatisfações. Além das paralisações públicas, diversos cortes na área da saúde também estão ocorrendo. 

Enquanto o comunista sonha em ser candidato a presidente e  torra o pouco dinheiro que ainda tem com São João para iludir os maranhenses, o maranhão cai em desgraça.

Simplesmente lamentável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário