segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Sem público, aliado de Flávio Dino pede que servidores participem de comício

A situação do candidato que tenta a reeleição é bem complicada! Sem público para prestigiar o comunista, secretário de governo pede a servidores da saúde que participem  de comício.

O fato aconteceu durante este final de semana, quando um áudio foi vazado: “Eu preciso que vocês mobilizem. A gente precisa levar mil pessoas pro comício, pra gente botar 10 mil pessoas lá. Então vamos mobilizar todo mundo”, disse Carlos Lula secretário de saúde e aliado do candidato Flávio Dino. 

Em outro trecho; “Eu preciso que a gente mobilize para o grande evento, no sábado, às 18h, lá na praça ali da Reffsa. A gente precisa botar muita gente da Saúde”, afirmou.

Este último trecho do áudio, deixa claro que os servidores tem a obrigação de participar do ato político do comunista.

Mas como um candidato que tem ''64% de intenção de votos nas pesquisas'' e que se diz ser o melhor governador da história tenha que botar pressão para as pessoas comparecerem em evento de campanha???

Esse fato só demostra que a campanha de Flávio Dino a cada dia perde força.

A justiça Eleitoral deve apurar o caso...

Nenhum comentário:

Postar um comentário