quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Paço do Lumiar administrada por decreto emergencial

Atestando total incompetência, o prefeito Dutra administra Paço do Lumiar sob efeito de medidas emergências. Tudo por conta da falta de traquejo com a coisa pública, o decreto é válido por 180 dias.


Desde o dia 28 de agosto o município de Paço do Lumiar está sendo administrada sob decreto de emergência  nº 3245, tal ordem solicitada  pelo prefeito é para tentar controlar o caos em que vive a cidade, mergulhada por lixo. Com dois contratos de valores milionários, o primeiro ainda no ano inicial da gestão e o segundo mais recente com a R.O Engenharia e Participações EIRELLI-APP  , Dutra não conseguiu se quer manter serviços básicos como o recolhimento diário do lixo.

O decreto assinado por 'Ele, autoriza contratação emergencial, que dispensa da licitação, significa necessidade de contratação que não pode aguardar os trâmites ordinários de licitação pública, que impede imediata averiguação da legalidade ou não.

Sem capacidade de gerir o município, o comunista apela para determinações intermitentes e ainda assim não consegui sanar os problemas pontuais.

MAIS UMA VEZ O PREFEITO DUTRA-FUTI  DÁ UM BELO ATESTADO DE INCOMPETÊNCIA!


Nenhum comentário:

Postar um comentário