terça-feira, 12 de dezembro de 2017

BRK Ambiental pode deixar de prestar serviços em Paço do Lumiar e Ribamar

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sentadas, mesa e área interna

Uma audiência ocorreu na Vara de Interesses Difusos e Coletivos na manhã da última quarta-feira (6). A sala ficou lotada. Na mesa representantes da BRK Ambiental, e prefeituras de São José de Ribamar e Paço do Lumiar, este último município representado pelo prefeito Domingos Dutra. Os três são réus nos processos.

Ao todo são quatro processos que envolvem a prestação de serviços da BRK Ambiental nos municípios de São José de Ribamar e Paço do Lumiar. Entre os problemas denunciados estão a irregularidade no fornecimento de água e o valor das contas que estão elevadas. Denunciaram moradores que vivem em áreas desses municípios. Uma das pessoas que reclamou ao blog, foi Sr. Antônio, que é Presidente da Associação de Moradores do Tropical II, área de São José de Ribamar .

Além das denúncias encaminhadas pelos moradores. Instituições também representaram contra a BRK Ambiental, entre elas Ministério Público, Defensoria Pública e Procon. DUARTE JÚNIOR, presidente do Procon/Viva Maranhão, que compareceu a audiência e acompanhou as discussões, declarou ao blog que, o interesse é fazer com que os consumidores sejam respeitados, e que seja disponibilizado serviços de qualidade à população.

Os advogados da BRK Ambiental pediram o indeferimento das ações, logo na abertura dos trabalhos, o que não foi acatado pelo Juiz Douglas de Melo Martins. O prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, se posicionou contrário a permanência da empresa prestando serviço no município

A audiência vale o futuro da BRK nos municípios de Paço e Ribamar, a decisão deve sair ainda este ano, segundo confirmou DOUGLAS DE MELO MARTINS, juiz da vara de interesses difusos e coletivos.
Eduardo Ericeira.

Um comentário: