segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Vereadores rejeitam projeto em regime de urgência que autoriza férias, décimo 13º de Dutra, Núbia e secretários

Dutra, Núbia e sua turma saem derrotados


Vereadores de Paço do Lumiar rejeitaram, em sessão plenária realizada sexta-feira (24/11), o regime de urgência para votação do projeto de lei 016/2017, de autoria do Poder Executivo, que institui férias e 13º salário ao prefeito Domingos Dutra, à vice-prefeita, Maria Paula (SD), e a todo o secretariado municipal.
Pesaram para que a proposição fosse barrada pela Câmara matérias publicadas ontem por diversos blogs, que revelou a intenção do prefeito comunista e teve ampla repercussão na cidade e a forte pressão popular contrária à aprovação da proposta de pagamento dos abonos aos gestores, que beneficiaria também a esposa de Dutra, Núbia Dutra(SD), primeira-dama e secretária municipal de Administração e Finanças.
Com a galeria lotada de eleitores, os vereadores não se sentiram à vontade para votar a matéria com a urgência pretendida, mas não descartaram colocar a mensagem do Executivo em pauta em outro momento.
Por Daniel Matos/O Estado, com alterações.


Nenhum comentário:

Postar um comentário